Um Nome Acima de Todo Nome – CPRC


Rev. Ronald Hanko

Tradução: Felipe Sabino de Araújo Neto1

Existem muitos nomes para o nosso Salvador registrados nas páginas da Escritura. Todos eles são dados por Deus para nos ensinar a glória e o poder de Jesus como Salvador. Alguns dos nomes mais importantes que já estudamos: Jesus, Cristo, Senhor, Filho unigênito de Deus, Filho do homem e Emanuel.

Seus muitos outros nomes são importantes também. Eles enfatizam várias coisas sobre ele. Nomes tais como rosa de Sarom e lírio dos vales (Ct. 2:1) enfatizam sua beleza como o Salvador. Nomes como Leão da tribo de Judá (Ap. 5:5) e príncipe dos reis da terra (Ap. 1:5) nos lembram do seu poder de rei.

Outros nomes, tais como filho de Davi (Mt. 1:1), raiz de Davi (Ap. 22:16), Cabeça (Cl. 2:19) e esposo (Mt. 9:15), mostram-no em sua relação com a igreja, tanto no Antigo como no Novo Testamento.

Existem também nomes que falam da humilhação do Salvador, tais como raiz de uma terra seca (Is. 53:2), e outros que falam de sua exaltação, como Senhor da glória (I Co. 2:8). Existem nomes que nos falam de sua divindade: imagem do Deus invisível (Cl. 1:15), Maravilhoso Conselheiro, Deus Forte, Pai da Eternidade (Is. 9:6), o Verbo (João 1:1) e Alfa e Ômega (Ap. 1:8). Outros nomes enfatizam sua humanidade: primogênito (Cl. 1:15), primogênito dos mortos (Ap. 1:5) e Filho de Davi (Mt. 21:9).

Muitos dos nomes do Salvador descrevem sua obra: Cordeiro de Deus (João 1:29), Príncipe da Paz (Is. 9:6), Pastor (João 10:11) e Guia (Mt. 2:6). Alguns deles enfatizam o que ele é para nós em sua obra: sol da justiça (Ml. 4:2), mensageiro do pacto (Ml. 3:1), o caminho, e a verdade, e a vida (João 14:6), o pão da vida (João 6:48) e a fiel testemunha (Ap. 1:5).

Aprendemos a partir desses nomes que Jesus é eterno, todo-poderoso, imutavelmente fiel e todo-glorioso; que ele vê, conhece e governa sobre todas as coisas; e que ele é Deus manifesto em carne, o único Salvador do seu povo. De fato, tudo o que sabemos sobre ele é abrangido por um ou outros de seus nomes. Essa é a razão pela qual eles são uma parte importante da revelação divina sobre Cristo para nós.

Em cada um de seus nomes, vemos que ele tem “um nome que é sobre todo o nome” (Fp. 2:9). Através dos seus nomes aprendemos que não existe outro Salvador, e somos assim encorajados a colocar nossa fé e confiar nele somente. Dessa forma, nós que conhecemos seus nomes achamo-lo totalmente amável, o mais distinguido entre dez mil, e aprendemos a dizer dele: “Tal é o meu amado, e tal o meu amigo” (Ct. 5:16).

Fonte (original): Doctrine according to Godliness, Ronald Hanko, Reformed Free Publishing Association, pp. 127-128.

1E-mail para contato: [email protected]. Traduzido em abril/2007.

Para material Reformado adicional em Português, por favor, clique aqui.



Fonte: Covenant Protestant Reformed Church

Livros que você vai gostar

Você também vai gostar

Mais lidos

Conecte-se com o EvangelhoEterno.Org

COMPARTILHE!

Inscreva-se para novidades

O portal EvangelhoEterno.Org é um site cristão criado com o objetivo de contribuir para o avanço do Evangelho de Jesus Cristo em toda a face da terra.

Temos o desejo de que as pessoas estejam cheias da Palavra de Deus, que é a verdade absoluta, e do poder do Espírito Santo.

Saiba mais sobre nossa Política de Privacidade.

© 2022 EvangelhoEterno.Org | Todos os Direitos Reservados | Idealizado por Hudson Carvalho

Para melhorar sua experiência, este site usa cookies.